quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Rouba-me ontem

Ontem! Rouba-me ontem! 
É capaz até que Deus nos castigue se descobre que viemos ao mundo e estamos a esbanjar tais instantes! 
Hoje! Resgata-me antes! 
Antes que tudo passe, que essa vida escorra, que a inocência nos morra!
Esteja! Se faça presente! 
Preencha os espaços e não deixe que passe em branco, permita que nossos tons que se misturem! 
Passe por aqui, deixe um recado no muro, me roube um beijo no escuro, escreva uma carta de papel, façamos um roteiro, vamos planejar a lua de mel! 
Beija-me a pálpebra! Me faça ver através de seus olhos, partiremos no pôr do sol pra um lugar que nunca será triste!
Não há castigo pra quem sonha demais, só pra quem ama de menos. O que não sabemos explicar não se explica, mas o que sentimos, se multiplica sempre que a gente entrega o coração pra alguém cuidar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário